Os três P’s do Pilates: prática, paciência e persistência

jul 15 2016

Os três P’s do Pilates: prática, paciência e persistência

Trabalhando o corpo emocionalmente com Pilates

Muitas vezes as pessoas veem “fitness” como uma prática física que visa melhorar sua aparência exterior, em um esforço para reforçar a autoestima. Eu desafio você a refletir sobre a noção de que, se eu aparentar de certa maneira, me sentirei melhor comigo mesmo.

É uma realidade triste, mas verdadeira. A sociedade hoje dá ênfase demais na imagem do corpo, em vez de valorizar o bem-estar físico e mental do indivíduo. Eu poderia continuar neste tópico, mas vou deixar “imagem corporal” para um artigo futuro. Em vez disso, eu quero focar na importância do “ganhar o domínio de sua mente sobre o controle completo de seu corpo.” (Joseph Pilates)

Acredite ou não, eu conheci pessoas que superaram suas limitações físicas simplesmente usando sua mente como força motora. Eu também conheci pessoas que poderiam conseguir um resultado diferente, se tivessem empenhado determinação mental e permitido que a mente comandasse o corpo.

Em vez de olhar para os três “P’s” do Pilates em um nível físico, quero me concentrar no nível mental/emocional.

Prática

Pratique o que você fala. “Pedras e paus podem quebrar seus ossos, mas palavras nunca vão me machucar. ” Verdadeiro, mas falso. Se você pode verdadeiramente dizer que as palavras de alguém nunca te feriram ou te influenciaram, então eu direi “bravo” a você. Pratique o que você diz aos outros. Olhe dessa maneira – se você acredita em algo e sente que precisa dizer para os outros, talvez seja melhor segurar as palavras apenas para você.

Então, pratique o que você prega e está atrás de suas palavras. Essa regra de ouro fará você parar e pensar. Pensar antes de falar e, talvez, permitir que você reflita antes de agir.

Paciência

Tenha paciência consigo mesmo e com os outros. Com o mundo agitado em que vivemos hoje e o conceito de gratificação instantânea, a paciência tende a diminuir na sociedade como um todo. Eu, pessoalmente, tenho lutado com paciência, valorizo essa característica e tenho trabalhado duro para melhorar isto em minha vida. Eu acredito que tudo acontece em seu devido tempo. Ao invés de tentar controlar todas as situações, seja paciente e permita que as circunstâncias façam seu jogo. Tudo acontece por uma razão, então, da próxima vez que desejar controlar situações, lembre-se: “Se é para ser, será”.

Persistência

“Paciência e persistência são qualidades vitais na realização bem-sucedida de qualquer esforço. ”. Joseph Pilates.

Eu serei a primeira a dizer que sou, às vezes, muito persistente, e não desisto até que fique do meu jeito. Acho que isso é reflexo do meu problema com paciência. Eu luto com isso diariamente e reconheço a necessidade de parar e deixar as coisas acontecerem em seu tempo. O objetivo deve ser o de ficar acima das coisas e não ignorar questões que precisam ser abordadas. Se você é apaixonado por alguma coisa em sua vida, e sabe institivamente que precisa fazer alguma coisa, tome atitudes e seja persistente até atingir aquele objetivo. Mas não exagere. Lembre-se: paciência (nota para Laura).

Não desista. Se você realmente acredita que algo, vale a pena ir atrás. Nós só vivemos uma vez e a vida é curta. Mas ouça suas intuições porque, confie em mim, só você sabe o que é melhor para você.

Então, agora você pergunta: “como é que essas informações vão me ajudar a desempenhar um melhor papel na minha prática de Pilates? ”

A beleza do Método Pilates é que ele não é apenas uma prática física em um estúdio, é um estilo de vida. Ao realizar movimentos em sua prática de Pilates, você deve envolver os três “P’s” do Pilates – prática, paciência e persistência. Mas não deixe esses conceitos no Studio. Use-os em sua vida diária para alcançar o bem-estar geral.Joseph Pilates entendeu por muitos anos que os indivíduos precisavam mudar o estilo de vida, tanto mental como físico, a fim de evitar as armadilhas de pensamentos e crenças sociais.

Se você, como eu, acredita que nossa vida pode ser melhorada emocionalmente e mentalmente usando os três P’s de Pilates, eventualmente essa melhoria será refletida bem na nossa aparência física e bem-estar total.

Fonte: Blog Pilates

Deixe o seu comentário

0 Comments
Share Post
No Comments

Post a Comment